Conheça o Brasão da Nossa Diocese

  • Reúne os principais elementos religiosos, sociais, econômicos e naturais de seu território;
  • O cordeiro no centro da mitra lembra os fiéis da diocese;
  • A chaga do cordeiro aberta, o coração traspassado que jorrou água e sangue, significa “o começo e o crescimento da Igreja (CAT 766) e o cordeiro sobreposto na mitra lembra a configuração do bispo ao Cristo, pastor e cordeiro o sustento do rebanho rumo à nova Jerusalém Celeste;
  • As cores azul e verde lembram a beleza da criação presente no território da Diocese;
  • O verde também faz referencia aos campos onde se desenvolve a agricultura e todas as atividades industriais e comerciais da região que dão sustento à economia local;
  • A vida da diocese sob a proteção de Maria está simbolizada pela letra “M” no centro do brasão na cor dourada, pois expressa a preciosidade de Maria para a diocese;
  • Logo abaixo o octógono, faz referencia à praça central de Naviraí, onde está localizada a catedral, mãe de todas as Igrejas da Diocese;
  • Ao centro do octógono o Imaculado coração de Maria, Padroeiro da Diocese, do qual saem raios luminosos lembrando a Virgem como a “mulher revestida de sol”;
  • O Coração em chamas expressa amor e solicitude de Santa Maria Mãe de Deus para com todos os filhos e filhas que a ela recorrem;
  • Ao redor do coração da Virgem há flores de Ipê roxo, branco, amarelo e rosa, árvores típicas do serrado sul mato-grossense, recordando Maria “a flor mais bonita que desabrochou na criação”