Dia da Fraternidade, em Dubai as mensagens do Papa e de Al-Tayyeb

Amanhã, 4 de fevereiro, será uma comemoração conjunta sobre o tema “Sob o mesmo céu”. Um evento comemorativo com a transmissão de duas mensagens em vídeo e a “Mesa Redonda da Fraternidade Humana e da Aliança pela Tolerância Global”. Uma campanha de mídia foi preparada para promover a tolerância e a coexistência pacífica nas escolas e órgãos governamentais.

Alessandro Di Bussolo – Dubai – Vatican News

O Papa Francisco e o Grão Imame de Al-Azhar, Ahmad Al-Tayyeb, comemorarão neste dia 4 de fevereiro, o segundo Dia Internacional da Fraternidade Humana das Nações Unidas, com duas mensagens em vídeo sobre o tema “Sob o mesmo céu”, durante o evento comemorativo a ser realizado em Dubai, a “Mesa Redonda da Fraternidade Humana e da Aliança pela Tolerância Global”.

Mesa redonda sobre temas da coexistência pacífica e tolerância

O encontro, que será dirigido pelo cardeal Miguel Angel Ayuso Guixot, presidente do Pontifício Conselho para o Diálogo Inter-religioso, será realizada no contexto da Expo Dubai 2020, no Pavilhão da Sustentabilidade, a algumas centenas de metros do Pavilhão da Santa Sé, e foi organizado conjuntamente pelo Ministério para a Tolerância e a Coexistência dos Emirados Árabes Unidos e pelo Alto Comitê para a Fraternidade Humana, com o apoio da Santa Sé e da Universidade Al-Azhar, do Cairo.

A mesa redonda será aberta às 10h locais com um vídeo sobre a Fraternidade Humana e Tolerância, seguido por uma introdução do xeique Nahayan Mabarak Al Nahyan, ministro da Tolerância e da Coexistência dos Emirados Árabes Unidos. Depois os discursos do cardeal Ayuso Guixot, que também é presidente do Alto Comitê, sobre “A Fraternidade humana para a promoção de iniciativas conjuntas e a coexistência pacífica”, do deputado do Grão Imame de Al Azhar Muhammad Al Duwaini, sobre o tema “Rumo a um caminho de tolerância e compreensão guiado pelo conhecimento”, e do juiz Mohamed Abdelsalam, secretário geral do Comitê da Fraternidade Humana, intitulado “Na Fraternidade Humana promovemos sociedades inclusivas”.

Uma ampla discussão

Previstos também os discursos do comissário Geral para a Austrália na Expo de Dubai, Justin McGowan, do norueguês Ole Johan Sandvaer, da canadense Marie-Genevieve Mounier, do italiano Paolo Glisenti e do finlandês Severi Keinala. O chefe das Olimpíadas Especiais dos Emirados, Kahwla Barley, o coordenador das Nações Unidas para os Emirados Dena Assaf e o diretor geral da Autoridade criativa da Mídia de Abu Dhabi, Michael Garin, também falarão. Encerrando a mesa redonda o rabino David Shomo Rosen, Diretor Internacional de Assuntos Inter-Religiosos do Comitê Judaico Americano, e três membros do Alto Comitê da Fraternidade Humana: Irina Bokova, ex-Diretora Geral da UNESCO, Irina Bokova, Secretária-Geral do Conselho Ecumênico de Igrejas, Ioan Sauca, teólogo ortodoxo romeno e o Presidente da Universidade Al Azhar Mohamed Al Mahrasawi.

Ser mensageiros de unidade, solidariedade e fraternidade

O Pontifício Conselho para o Diálogo Inter-religioso, em declaração, “convida a todos a se unirem, de acordo com as modalidades que cada um julgar adequadas, à celebração do Dia Internacional da Fraternidade Humana”, sob o tema “Sob o mesmo céu”, “respondendo à exortação feita pelo Papa Francisco e pelo Grão Imame Al-Tayyeb para trabalhar juntos para superar os desafios que a humanidade enfrenta, esperando promover, apoiar e encorajar as comunidades e as pessoas ao redor do mundo a serem juntos verdadeiros mensageiros da unidade, da solidariedade e da fraternidade”.

Uma campanha de mídia também nas escolas e agências governamentais

Enquanto isso, como parte do Festival da Fraternidade Humana que se realiza até 5 de fevereiro na Expo, foi apresentada uma campanha que será difundida através dos meios de comunicação de massa para alcançar diferentes grupos da sociedade com a participação de várias entidades dos setores público e privado para promover os princípios do Documento da Fraternidade Humana. Prevê-se a distribuição do Documento aos visitantes da Expo, escolas, universidades e agências governamentais, um vídeo introdutório sobre o Documento sobre a Irmandade Humana em vários idiomas, um segundo vídeo intitulado “Expo como uma verdadeira encarnação da Irmandade Humana”, e a iluminação de edifícios emblemáticos com os princípios do Documento assinado em Abu Dhabi tre anos atrás, bem como notícias em rádio, televisão e mídia social.

leia também